13.9.15

Ríe, chinito

13.9.15
Fonte: http://g1.globo.com/


Dorme, menino.
Em sonho: a vida que golpeia, te embala,
a tempestade que ruge, te abraça,
as ondas que te impelem, saúdam sua chegada.

Dorme, menino.
Contorna o desespero com um sorriso,
pinta na dor um rosto tranquilo,
matiza de esperança a água que cai.

Dorme, menino.
Está sempre cada vez mais difícil estar acordado...
é velar tanto mais sonos como o seu
desde janelas minúsculas fechadas a cadeado. 


* O "Topic of the month" é um projeto do grupo "Blogs que interagem" e promove posts  mensais sincronizados sobre um determinado tema. O deste setembro, mês da compreensão mundial,  foi "tolerância". 

Comente com o Facebook:

11 comentários:

  1. Ficou muito lindo. Você tem talento <3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ooh, sua linda, estou aqui morrendo de felicidade porque você curtiu meu poema. Nossa, fico até sem palavras *-*

      Obrigadaça pela leitura <3

      Bjos!

      Excluir
  2. Mesmo sendo uma história triste, você conseguiu fazer um lindo poema :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vontade de entrar dentro da tela desse pc pra te dar um abraço <3

      Excluir
  3. Sali que poema mais lindo! Completamente sem palavras. Você toca a tristeza com uma leveza incrível. E faz a realidade soar e ressoar. Muito lindo seu post. Beijinhos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Waa *-*
      Então, vindo de você, o elogio vale muito *-*. Fico feliz pacas que você tenha curtido. Uma pena que o que o acaba inspirando é uma situação tão feia, né. Ainda bem que existe a literatura pra fazer essas coisas tão... tão!, terem sentido.

      Bjo, sua linda!

      Excluir
  4. Ameeei o poema!! Confesso que demorei um tempo pra refletir sobre ele, e tive que ler algumas vezes! Mas de cara já amei as palavras e o jeito que tu escreve!! Parabéns!!!

    ~Athene

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nha, que honra receber sua visita *o*
      Fiquei felizona, mais ainda por vc ter curtido o poema <3
      Volta mais *-*

      Bjooo!

      Excluir
  5. Que lindo! Sem palavras para descrever tanta sensibilidade...

    ResponderExcluir

Nenhuma imagem presente neste blog me pertence. Todas foram encontradas na internet por meio de pesquisa no google.com e não viso qualquer fim comercial com seus respectivos usos. Se usei uma imagem sua e não lhe dei os devidos créditos, por favor me avise que o farei imediatamente, ou a retirarei do blog se você não quiser que eu a use. Visão Periférica - 2016

Design e Desenvolvimento por Moonly Design / ©