30.4.15

Medo

30.4.15



Os sonhos mais escondidos
sorrindo as asas e as penas
dançando na parede espessa
das sombras que alma enjeita...

Os sonhos mais escondidos
coloridos tanto quanto o impossível
chacoalhando omissões e fracassos
empurrando a paisagem ao abismo...


O tema desse post (medo) faz parte da blogagem coletiva do grupo +QP, ou Mais Que Palavras, onde mensalmente é liberado um assunto com o fim de estimular a escrita e a criatividade de blogueiros 

Mais do tema (só coisa boa, porque eu leio e seleciono os melhores, porque sim <3)

Comente com o Facebook:

2 comentários:

  1. Que lindo!! Adoro seus poemas. Bjss

    ResponderExcluir
  2. Gostei da poesia!
    Medos tão escondidos que nem temos coragem de dizer para nós mesmos!
    Abraços Mika,
    Pensamentos Viajantes

    ResponderExcluir

Nenhuma imagem presente neste blog me pertence. Todas foram encontradas na internet por meio de pesquisa no google.com e não viso qualquer fim comercial com seus respectivos usos. Se usei uma imagem sua e não lhe dei os devidos créditos, por favor me avise que o farei imediatamente, ou a retirarei do blog se você não quiser que eu a use. Visão Periférica - 2016

Design e Desenvolvimento por Moonly Design / ©